TEMPOS ESTRANHOS, TEMPOS MUITO ESTRANHOS!

“Tempos estranhos, tempos muito estranhos, em que se nota a perda de parâmetros, o abandono a princípios, o dito passando por não dito, o certo por errado, e vice-versa. E, essa situação não é primazia, se é que posso falar em primazia deste ou daquele Poder.”

Discurso do Ministro Marco Aurélio Melo, do Supremo Tribunal Federal. Disponível em https://www.conjur.com.br/dl/discurso-marco-aurelio-mello-durante.pdf

%d blogueiros gostam disto: